Notícias

Mais do que estilo, óculos de sol são segurança

Muito mais do que um acessório de moda, os óculos escuros existem para proteger os nossos olhos dos perigosos raios solares, tanto no Verão, como no Inverno (mesmo os dias mais frios podem ter uma luminosidade muito intensa). Da mesma forma que protege a pele contra a intensidade do sol, deve proteger os olhos contra o envelhecimento prematuro, o câncer de pele e uma variedade de lesões ou doenças oculares.

Nesta entrevista, o oftalmologista Dr. Jorge Mitre, do Hospital de Olhos, fala sobre a importância da escolha dos óculos solares:

Qual o principal objetivo das lentes de sol?

Os óculos escuros têm a função de diminuir a quantidade de luz que incide sobre o olho, que ocorre nos dias ensolarados. É útil para pessoas de olhos claros, ou de pouco pigmento na Iris e na Retina, mas o principal objetivo das lentes de sol é bloquear os raios ultravioleta e também os raios da cor azul presentes na luz solar.

Como é a ação dos raios ultravioletas nos olhos?

Os raios ultravioletas são extremamente danosos às estruturas do globo ocular, provocando lesões irreversíveis e comprometendo a visão. Dentre os principais problemas que eles podem causar estão:

• desenvolvimento precoce de catarata;
• formação de pterígio, tecido (pele) que cresce anomalamente sobre a córnea, provocando olho vermelho e dificuldade na lubrificação da córnea;
• destruição do Epitélio Pigmentado da Retina, tecido que fica junto à retina. Como consequência, leva à morte dos cones e bastonetes, as células que transformam a luz em impulso nervoso.

Os óculos considerados eficientes precisam ter que índice de bloqueio da ação dos raios?

Os raios ultravioletas possuem um espectro de 280 a 380 nanômetros. Para que uma lente de óculos seja eficiente, ela tem que bloquear 100% desses raios. Nem todas as lentes do mercado possuem esse índice.

Os oftalmologistas costumam “conferir” a correção dos óculos escuros como o fazem com os óculos de grau claros?

Quase nenhum oftalmologista possui o equipamento para conferir a eficiência das lentes no Bloqueio dos Raios Ultravioleta; confiamos no controle do Inmetro, órgão público responsável pela fiscalização desse segmento.

É seguro comprar óculos escuros em qualquer lugar ou em comércios informais de rua?

Não é seguro comprar óculos escuros sem procedência comprovada ou do comércio informal, pois você não terá como reclamar os seus direitos. A obrigatoriedade de possuir informações das lentes com o filtro ultravioleta está na Lei número 8078 do Código de Defesa do Consumidor Brasileiro de 1990. Segundo pesquisa recente da Faculdade de Medicina da USP, de Ribeirão Preto, das 14 marcas analisadas de lentes, duas não estavam em conformidade com a lei, ou seja, não bloqueavam 100% dos raios ultravioleta.

No caso de óculos, o que o senhor recomendaria para a pessoa conseguir aliar preço e qualidade; que fatores valorizar?

O preço não é o principal fator de segurança na compra de óculos de sol, e sim a qualidade e o fornecedor. Quando comprar, veja se as lentes possuem o selo de certificação do Inmetro.

Se uma criança, ainda com o globo ocular em formação, usar óculos de sol inadequados, quais os danos que podem ocorrer?

Se uma criança de até dez anos usar continuamente óculos com lentes inadequadas com graduação errada e sem filtro solar, poderá desenvolver problemas de visão que não possuiria, como enfraquecimento do músculo ciliar que ajuda na focagem, miopia, dificuldade na resposta da pupila ao controle da luz, etc. Até esta idade o globo ocular ainda está em formação.

Qual a importância da adaptação do modelo ao rosto e da cor das lentes nos óculos de sol?

A quantidade de escurecimento e a cor ficam a critério pessoal, pois cada pessoa possui a sua tolerância. Não há comprovação que a cor interfira. Os estudos mais recentes parecem mostrar que a luz de cor azul é também danosa à Retina. Portanto , o ideal seria ter o filtro ultravioleta e o filtro azul na mesma lente.

 

 

Fonte: Portal Hosp 

Cadastre-se