Notícias

Coronavírus: saiba como limpar lentes de óculos para evitar contaminação

Água e detergente são elementos suficientes para uma higienização eficaz
 
 
 
 
Em meio ao avanço do novo coronavírus, o cuidado com a limpeza dos itens pessoais deve ser redobrado. As medidas de prevenção se estendem aos óculos. Por necessidade, estilo ou proteção contra o sol, eles estão presentes na vida de milhões de pessoas. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 19% da população do País sofre com alguma deficiência visual.
 
A doença pode ser contraída através dos olhos, portanto é fundamental manter os óculos higienizados ao máximo. Para quem já está acostumado a limpar as lentes no dia a dia, a missão é bem simples, e basta repetir o procedimento com maior frequência. 
 
Ao contrário do que ocorre com outros objetos, o álcool não é indicado neste caso, já que pode danificar o material da armação e os revestimentos das lentes. O "paninho" que costuma acompanhar os óculos dentro da caixa também é contraindicado na condição atual, já que pode se tornar fonte de contaminação. Água e detergente neutro são os itens recomendados por especialistas para uma higienização eficaz das lentes.
 
Confira como limpar os óculos para evitar o coronavírus
O oftalmologista Luiz Spinola, do Hospital Santa Luzia, de Salvador, ensina como deve ser feita a limpeza, passo a passo. Veja:
 
* Despeje um pouco de detergente em cima da lente
* Esfregue as lentes com a mão limpa
* Enxague na pia com água corrente em abundância
* Seque com papel toalha ou lenço de papel seco
*Pressione o papel sobre as partes interna e externa da lente, sem esfregar
*Esfregue na haste até a ponta, secando dobras e parafusos
 
Para seguir as recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS), óticas espalhadas por São Paulo estão adotando novas práticas em suas lojas.
 
"Essas medidas precisam ser mantidas mesmo depois do vírus. É muito perigoso permitir a proliferação de outros vírus e bactérias. É melhor já tomar como precaução para o resto da vida", afirma Wilian.
  
A higienização das lentes de contato exige um processo mais complicado, ressalta Luiz Spinola. É necessário respeitar o prazo máximo de oito horas de uso, manuseá-las com mãos limpas e guardá-las em um estojo higienizado com produto adequado. O Conselho de Oftalmologia do Brasil (CBO) solicitou aos conselhos regionais que orientem a preferência por óculos no lugar das lentes. Especialistas alertam que, em caso de dúvida ou problema relacionado ao assunto, é indispensável procurar um oftalmologista.
 
Fonte:
Terra
 
Cadastre-se